Páginas

WELCOME! / Bem vindos! / Bienvenidos! / Benvinguts! / Ongi etorri! / Bienvenue! / Benvenuti! / Wilkommen! / Welkom! / Välkommen! / Tervetuloa! / Üdvözöljük! / Hoşgeldiniz! / Добро пожаловать! / Καλώς ήρθατε! / გამარჯობა! / ようこそ! / 歡迎! / 환영합니다! / आपका स्वागत है! / வருக!


segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Citroën XM Turbo CT 1993

Completo e mais um pouco: Ar digital, vidro elétrico one-touch, banco de couro, controles do som no volante, faróis de neblina, câmbio automático, suspensão hidropneumática com controle eletrônico, motor turbo...

Mas aí o tempo passa e a manutenção vai ficando mais e mais e mais exorbitante, e a escassez de peças e serviço vai aumentando, e aí... Dá no que dá. Mais um exemplo de um carro de alto luxo, completíssimo, e extremamente complexo de manter. Preços baixíssimos no mercado e nível de conservação sofrível, fundo de oficina... Essa é a realidade desses carros.

Se já é difícil de se ver um simples Citroën XM hoje, o que dizer então do Turbo CT, ainda por cima com essa configuração, top do top!










Deixado na oficina por conta de peças não-encontradas, repousa essa raridade. Fiquei pasmo com a quantidade de equipamentos que o carro possui, principalmente se for pensar na época em que ele foi fabricado. Luxo total. Um detalhe que me chamou a atenção é que as rodas não são as originais do modelo.

Espero que esse daí volte a dar alegrias, certamente já deu muitas a seu proprietário.

Tijuca, Rio de Janeiro - RJ.

11 comentários:

  1. Olá, Matheus! É meu primeiro comentário em seu blog, que descobri a poucos dias e já estou explorando os post's antigos para ver o que perdi.

    Gosto da maioria dos carros franceses e o XM está entre os meus preferidos. É uma pena ver um destes (ainda mais de uma versão tão rara) parado assim. Mas é exatamente o que você escreveu: o tempo passar, as peças ficam mais raras (e caras), o valor de mercado cai, o proprietário não consegue manter o carro em condições e a partir daí já sabemos o que acontece. Claro que não é o destino de 100% destes carros, mas certamente é da maioria.

    Sabe qual o problema do carro? Será que o dono está correndo atrás da peça ou deixou pra lá?

    ResponderExcluir
  2. Valeu, se gostar do que estiver vendo no blog, pode dizer!

    O problema do carro eu não sei exatamente, não. Só sei que ele tá esperando peça e que, segundo o mecânico, não deixou prá lá, não...

    ResponderExcluir
  3. É realmente uma pena ver um carro destes nessas condições.
    Tenho o prazer de contemplar em minha garagem, um 1997/98 Exclusive V6 e um 93/94 verde, dfa mesma cor deste em questão.
    O carro é simplesmente uma maravilha, e as peças são encontradas sim, seja por encomenda ou mesmo no mercado paralelo (internet).
    No caso do Turbo, o motor é o mesmo do Xantia 2.0 Turbo e, consequentemente, mais fácil ainda de manter.
    O que acontece na maioria das vezes é a incompetência dos mecânicos que condenam logo as peças sem saber como recuperá-las (e todas elas são recuperáveis, desde que haja boa vontade, inclusive a famosa caixa de direção com o sistema DIRAVI.
    Na pior das hipóteses, pode até mesmo ser utilizada a caixa de direção do Fiat Tipo!!!
    Transmissões do Xantia ou do Alfa Romeo, entre outros recursos.
    A culpa (ou irresponsabilidade), é da própria Citroen, que desde há muitos anos (mais de 50 anos atráz), já deixava muito a desejar no que diz respeito à manutenção e consideração com seus modelos.
    Basta ir à uma concessionáia da marca e perguntar qualquer coisa sobre um modelo já mais antigo......

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com o Marco,
      Hoje pra manter um carro desses, literalmente fuja da Citroen, eles não tem interesse em reparar os carros vendidos e sim em vender, vender e vender novos modelos.
      Ganhei do meu pai um XM V6 de 12 vávulas (em torno de 8 anos parado), a princípio, confesso que fiquei um tanto apavorado, pois não sabia se iria dar conta. Agora após pesquisar bastante, sei que posso ter essa nave e mante-la sem essa grande dificuldade como muitos dizem.
      Se alguém pega um carro desses (principalmente parado) e leva na Citroen ai será morte na certa, mas se adquirir XM, esperar um tempo, e através de forums na internet conseguir fazer contatos com pessoas que conhecem o carro, planege tudo direitinho que consequentemente repara o carro inteiro num tapa.
      O custo pra manter a suspensão é o mesmo do Xantia, pois a suspensão de ambos é praticamente a mesma.
      Caso alguém tenha dúvidas sobre o XM e tenha interesse em esclarecê-las, é só entrar em contato comigo: jefersonn_jef@hotmail.com

      Grande abraço!

      Excluir
  4. XM Já desejei assim como já desistijustamente por ver a maioria deles em oficinas ou parados em garagem todo empoeirado.Que pena.É um carro muito interessante.Aprecio o V6,acho tambem que o comentário do Marco Antonio faz todo sentido,é uma questão de interesse a começar pelo proprietário,pois prá tudo existe um jeito.

    ResponderExcluir
  5. XM Já desejei assim como já desistijustamente por ver a maioria deles em oficinas ou parados em garagem todo empoeirado.Que pena.É um carro muito interessante.Aprecio o V6,acho tambem que o comentário do Marco Antonio faz todo sentido,é uma questão de interesse a começar pelo proprietário,pois prá tudo existe um jeito.

    ResponderExcluir
  6. Tiago Alves Barbosa (via facebook)12 de fevereiro de 2012 19:49

    citroen XM mais que especial... um Turbo CT e A/t ainda por cima...

    ResponderExcluir
  7. fabioelorza@yahoo.com.br24 de outubro de 2012 06:31

    Estou lendo tudo que acho na net sobre o Citroen XM...
    Vi um a venda aqui em SP, particular de um senhor, único dono, com inacreditáveis 21.000 kms rodados, acho que o mais novo do Brasil... e ainda da versão 3.0 v6, mais potente e recente que este turbo... R$15.000,00..
    Todos reclamam da manutenção caríssima, e muitos estão abandonados, pois seus donos atuais (segundos ou terceiros donos) não tem $$ para concerta-los, mas este que eu vi é novo, mesmo tendo 14 anos (1998).
    Estou indeciso, pode ser uma barca furada pra mim, que sou uma pessoa de poucas posses; de que adianta um carrão mais barato que um popular que eu não vou conseguir manter depois? peças raras e muito, muito caras..
    Opinem, por favor!
    Mateus, desculpe tomar espaço no seu blog, paasei aqui sem querer, após jogar "Citroem XM" no google; o que vc acha Mateus? devo compra-lo? (e usa-lo só de vez em quando, para preserva-lo?)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabio,

      Caso ainda queira saber algo sobre como manter o XM nos dias de hoje, manda um email pra mim que posso esclarecer boa parte de sua dúvidas.
      Estou restaurando uma nave dessas.

      jefersonn_jef@hotmail.com

      Excluir
  8. Olá pessoal,
    Atualmente estou restaurando um Citroen XM Fase 2, a motorização dele é 3.0 v6 de 12 válvulas.
    Esse modelo da foto acima, com certeza é o Fase I, pois tem o retrovisor quadricular e possui o logo da citroen localizado na esquerda da grade dianteira que protege o radiador.

    Diferenças entre XM’s fase I e II:
    Grade Dianteira FaseI
    http://img.auto.cz/blog/blogs.dir/29/files/2008/10/1989_xm_02.jpg

    Grade Dianteira Fase II
    http://www.motorstown.com/newsImages/citroen-xm-2.jpg

    Interior Fase I
    http://www.motorstown.com/images/citroen-xm-exclusive-02.jpg

    Interior Fase II
    http://photo.i0100.com/citroen-xm-2.4-d_5776_big.jpg

    Fora algumas outras mudanças...

    Para acompanhar a restauração do meu XM, pode ser acessado o fórum “Citroen Clube do Brasil” em http://www.ccdob.com.br/forum/index.php?showtopic=4219
    O link acima da acesso a um tópico referente ao reparo da Diraví (uma caixa de direção exclusiva da Citroen) que sem dúvidas é o sistema de direção mais avançado e complexo do mundo que já foi desenvolvido para um automóvel:

    http://en.wikipedia.org/wiki/DIRAVI

    https://www.youtube.com/watch?v=AOMQJeKF36Q

    Logo estarei abrindo um novo tópico com detalhes da restauração completa do XM e fotos.
    Outro detalhe também é que a suspensão desse veículo é praticamente a mesma do Xantia e todas as peças deste veículo podem ser encontradas (novas e usadas) no Mercado Livre e ao contrário do que muitos pensam, por um valor acessível.
    Segundo a revista Quatro Rodas, edição 370: http://quatrorodas.abril.com.br/acervodigital/home.aspx?edicao=370&pg=25
    Em 1992, preço do XM com câmbio automático e todos os opcionais aqui no Brasil era de $120.200,00 cento e vinte mil e duzentos doláres.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...