Páginas

WELCOME! / Bem vindos! / Bienvenidos! / Benvinguts! / Ongi etorri! / Bienvenue! / Benvenuti! / Wilkommen! / Welkom! / Välkommen! / Tervetuloa! / Üdvözöljük! / Hoşgeldiniz! / Добро пожаловать! / Καλώς ήρθατε! / გამარჯობა! / ようこそ! / 歡迎! / 환영합니다! / आपका स्वागत है! / வருக!


sábado, 21 de maio de 2022

Peugeot 607 2001

 Carro luxuosíssimo, e que já era difícil de ver quando novo:

15/08/2017

Devido à baixa produção e pela sua complexidade de manutenção, o 607 está praticamente extinto. Não me lembro de ter visto outro rodando por aí nos últimos anos. Da época da foto pra cá, nem esse eu tenho visto mais... A placa "FDC" indica que seu primeiro emplacamento se deu em São Paulo.

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

VW Fusca 1968

 Em uma das edições do encontro semanal do Opala Clube RJ, apareceu por acaso esse Fusca no posto de gasolina, de uso normal de alguém que parou ali, e não de quem tenha ido ao encontro:

12/04/2018

Estava lindo, como são todos os Fuscas que têm esse aspecto de carro comum usado no dia-a-dia!

Andaraí, Rio de Janeiro - RJ.

terça-feira, 17 de maio de 2022

Gurgel Supermini BR SL 1992

 Volto com mais um carro de um grande amigo, que na noite das fotos estava voltando às ruas depois de muitos anos parado:

12/04/2018





Esse Gurgel foi comprado novo pelo seu avô, que sempre preservou muito bem e posteriormente o deixou como herança a ser perpetuada, juntamente com vasta quantidade de documentação da marca Gurgel, uma vez que era um dos sócios da empresa. O carrinho nunca passou por restauração e preserva praticamente tudo de fábrica, incluindo toda a pintura e o raro friso vermelho na cintura. BR SL era a versão topo de linha do Supermini. É sempre legal conversar com ele sobre o carro, porque sempre aprendemos coisa nova!

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

Revisitando: VW Santana CLi 1996

 Essa é uma atualização de um carro visto 5 anos depois da primeira aparição por aqui, em 2013:

06/04/2018

Aparentemente nenhuma mudança significativa, e continua sendo usado. Provável que o uso seja bem esporádico, uma vez que eu quase não vejo, ou que rode por lugares que eu não frequento. Continuo sem entender o significado da placa decorativa que fica no vigia, com as iniciais PYI JAN, que segue firme e forte no mesmo lugar.

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

segunda-feira, 16 de maio de 2022

VW 1600 Variant 1973

 Esse flagra um registro feito por uma amiga, no momento em que ela foi mostrar seu carro comum anunciado. O potencial comprador chegou diretamente do túnel do tempo!

30/03/2018

Se bem me lembro, acabaram fechando negócio. E tá feito o registro improvável dessa Variant azul Niágara sendo usada como carro normal! As placas são da pequena cidade de Silva Jardim/RJ.

Valeu, Camila!

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

Renault Mégane Extreme 2010

 Voltei de novo! Já mostrei por aqui três Mégane Extreme (em 2015, 2016 e 2021), todos eles Grand Tour. Esse é um sedã:


04/03/2018


A exemplo da perua, recebe detalhes exclusivos da versão. Fato curioso nesse caso são as placas de Manaus/AM.

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

sábado, 19 de fevereiro de 2022

Fotos Antigas - Petrópolis/RJ

 Tem muito tempo que não posto fotos antigas por aqui. Com a tragédia que aconteceu nessa semana naquela bela cidade da serra fluminense, pensei em colocar aqui contatos confiáveis pra ajudar nas arrecadações. 

De modo que pudesse fazer uma ligação com o nosso tema, me lembrei que tenho algumas fotos de papel tiradas lá, garimpadas por mim na feirinha da Praça XV:

Palácio Quitandinha, novembro de 1948

Na foto acima, vemos um conversível à esquerda, que parece ser um GM 1940-41, e um Mopar sedã quatro-portas 1946-48 à direita. Ao fundo, o belíssimo e tradicional Quitandinha.

1949

Aqui eu não sei exatamente onde é. Aparecem no fundo algumas placas, como um de "estacas franki" e um outdoor de pasta de dente "Dr. West's". O carro lá no fundo me parece um Ford 1941, enquanto essa perua "woody" aqui na frente é um Oldsmobile 1946-48.

21/08/1957

A foto acima já mostra alguma variedade de carros. À esquerda, vejo um Studebaker 1952, e atrás dele o que parece ser um Mercury 1952-53. À direita vemos uma perua Willys ainda americana (o que viria a ser a Rural futuramente) e, à frente, um Ford Roadster 1933-34, com dois detalhes muito interessantes bem à mostra: o banco traseiro do lado de fora da cabine, e a porta, com dobradiças invertidas, aberta.  

Ainda tenho mais alguns retratos, infelizmente muitas sem local identificado. É muito difícil também conseguir fotos boas ou que representem alguma coisa, costuma ser cansativo e demorado até encontrar o que agrade. Futuramente vou trazer mais algumas que possam ser relevantes pra mostrar aqui.

Quanto à Cidade Imperial, espero que, além da pronta recuperação das famílias e do panorama geral, que alguma atitude seja tomada pra que a longo prazo esse tipo de catástrofe tenha suas possibilidades minimizadas, já que sabemos de outras situações semelhantes ao longo das décadas e as medidas tomadas não foram proporcionais ou suficientes. Abaixo, conforme eu falei, seguem os contatos pra quem puder e quiser ajudar:


Petrópolis - RJ.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2022

Revisitando: Gurgel X12 TR 1985

 Olhem essa que história interessante! Tirei essa foto lá em 2018, guardei e agora chegou a hora de publicá-la: 

20/03/2018

Mas antes disso, fui dar uma procurada pra ver se ele já tinha aparecido aqui no blog. Não tinha nenhuma lembrança específica, fiz só por via das dúvidas. E não é que eu já tinha tirado foto dele? Só que não tinha sido aqui pela área. O carro estava com aparência de largadinho na rua, em Copacabana, lá em 2011! Por essa eu realmente não esperava... aparentemente foi salvo e foi visto no uso, no supermercado!

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2022

Ford Corcel II Van 1982, Corcel II L 1978, Corcel Luxo Cupê 1976

 A partir dessa época passou a ser muito comum nos reunirmos nesse postinho, portanto alguns já devem ter reparado que ele tem aparecido em várias das últimas fotos. Esse dia acabou dando num encontro de três representantes do mesmo modelo:


Dois grandes amigos levaram seus carros e eu levei meu furgão. O II 78 já apareceu aqui, o cupê nunca. Tem uma bela história também, pertence desde sempre à mesma família e tem esse interessante opcional, que é o teto de vinil. Além disso, teve instalado ar condicionado posteriormente, funcional pois é um carro usado normalmente. Cor original Amarelo Augusta, enquanto o II 78 é Bege Atenas e o meu II Van é Branco Nevasca. Não foi exatamente planejado, mas deu uma bela trinca!

Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ.

Cadillac Allanté 1987

 Fechando as fotos da viagem a São Paulo, eis as fotos do Cadillac na volta (vejam aqui as da ida), dessa vez com a capota arriada:

14/09/2017



Foi uma baita viagem, apesar de ser sido tudo muito corrido. Uma experiência pra guardar na memória.

Ford Galaxie Club Sedan 1959

 E esse foi o último carro que fotografei na viagem. As fotos ficaram tão ruins, que quase não postei:

14/09/2017

Só decidi fazê-lo porque é justamente da minha época e nacionalidade preferidas, especificamente meu ano preferido. Além do mais, é muito difícil ver esse tipo de carro ainda rodando por aí. É um sedã de duas portas do ano de transição em que, tecnicamente, era Fairlane e Galaxie ao mesmo tempo. Combinação matadora de carroceria preta e interior vermelho!

São Paulo.

Abaixo, material de publicidade daquele ano:

Capa do folder, detalhe "Fairlane 500" na tampa da mala, "Galaxie" na lateral traseira; Carro preto como o das minhas fotos, mas com carroceria "Club Victoria" (duas portas sem coluna); lá atrás, o também belíssimo Thunderbird

Aqui, ao centro, cores diferentes mas a mesma carroceria do carro que fotografei: "Club Sedan", o sedã de duas portas

Chevrolet Opala Comodoro Cupê 1979

 Já chegando no final dos poucos registros que fiz na minha passagem relâmpago por São Paulo:

13/09/2017

Gostei demais de ver esse Comodoro, com seu aspecto de carro de uso nos anos 80/90 (o que nos últimos anos convencionou-se chamar de "VEB - Velha Escola Brasileira"). Rodas esportivas, faróis de milha, retrovisores modernos, frisos do Comodoro mais novo, mas tinha sua originalidade preservada, com a bela tonalidade Dourado Parati metálico, o lindo "meio teto de vinil" e seu interior marrom. Belo exemplar!

Sorocaba - SP.

Audi A4 Avant 2005

 Terminada a "visita" a Campinas, retornamos a Vinhedo, onde tirei fotos dessa lindíssima perua Audi, que também já tinha sido do RJ, da cidade de Petrópolis:

12/09/2017



Infelizmente as station wagon não são muito difundidas no nosso país. Eu particularmente gosto muito desse tipo de carroceria, então sempre presto atenção. Essa estava muito bem conservada, considerando que já não era um carro exatamente novo. Gostei bastante!

Vinhedo - SP.

Ford Escort XR3 Conversível 1993

 Seguindo pela mesma rua bem perto do Fusca 67, estava parado esse XR3 conversível:

12/09/2017

Muito bonito no geral, recebeu rodas cromadas e um aplique do Mustang no para-lama. Curiosamente, pelas iniciais das placas, LIS, era do Rio de Janeiro! Nem todo mundo concorda comigo, mas é a minha geração preferida dos XR3. Infelizmente, só tirei essa foto.

Campinas - SP.

VW Fusca 1967

 Saímos de Vinhedo e a próxima parada era Campinas. Aproveitei pra dar uma caminhada por lá, mas não foi por muito tempo, portanto não achei muita coisa. O primeiro foi esse Fusquinha, na garagem de uma linda casa antiga:

12/09/2017

Tem pinta de ter sido sempre carro de uso, e talvez ainda seja. Apesar das marcas e desgaste, não me parece ter sofrido nenhuma grande descaracterização, em que pese já ter passado por reforma. Legal que os pneus são diagonais! Outro ponto curioso é que não é tão comum assim ver Fuscas desse ano, quando foi estreado o motor 1300 e recebeu o apelido de "Tigrão". 

Campinas - SP.

Ford Corcel II 1978

 Resolvida a questão das tintas na capital, no dia seguinte seguimos para Vinhedo, onde almoçamos e eu avistei esse Corcel II:

12/09/2017

Na verdade não tinha nada de muito interessante, já estava um pouco descaracterizado. Não consegui ter certeza se era Standard ou L. Seria Standard por conta das rodas e da ausência de friso no para-brisa, mas por outro lado poderia ser Luxo por conta do friso lateral e do que parece ser o painel forrado. Os para-choques já são de 1980 em diante - com polainas, os bancos também são modernos, os retrovisores parecem ser de moto, e a grade tá sem o "oval azul".

À parte disso tudo, eu gostei de ver um Corcel II de uso e essa pintura original queimada (Bege Atenas, como o que o meu avô teve), já aparecendo o fundo. E gostei que foram mantidos os piscas âmbar originais também! Placas de Valinhos, cidade vizinha.

Vinhedo - SP.

Peugeot 405 SRi 1995

 Ainda aguardando na casa de tinta (Cadillac Allanté, Fusca e Brasilia), estacionou do outro lado da rua esse Peugeot:

11/09/2017



Estava lindíssimo e muito bem conservado, externa e internamente (aliás, que interior lindo esse carro tem! A ausência de película escura nos vidros possibilitou que pudesse ver claramente), muito além da média mesmo. As raras calotas originais deram lugar a calotas dos Peugeot 206, que caíram bem no conjunto, além de serem peças originais da marca. Estava à venda por R$11.500, e não tenho a menor ideia de qual foi seu destino.

Tatuapé, São Paulo - SP.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

VW Brasilia 1975

 Logo depois do Fusca, passou também essa Brasilia:

11/09/2017

Essa já tinha mais modificações, formando um conjunto de bom gosto: suspensão mais baixa, rodas do modelo "Sprintstar" cinco furos, o que significa que provavelmente a suspensão foi toda trocada, pra poder baixar um pouco mais do que com a original. Além disso, tinha também o teto solar grande, tipo "ragtop". A despeito de tudo isso, ostentava placas pretas de coleção. A cor, vermelho Nobre, é original. 

Tatuapé, São Paulo - SP.

VW Fusca 1300 1975

 Enquanto aguardávamos tudo se resolver na casa de tinta, passou esse Fusca:

11/09/2017

Rodas Mangels cromadas, suspensão levemente baixa, e no mais, aspecto original. Repararam o preço da gasolina e etanol lá no fundo?

Tatuapé, São Paulo - SP.

Cadillac Allanté 1987

 Em setembro de 2017, um amigo me chamou pra ir a São Paulo passar uns dias e resolver alguns assuntos relacionados a carros. Foi cansativo, mas ao mesmo tempo bastante proveitoso. Nosso meio de transporte foi deveras peculiar e interessante, um Cadillac Allanté do seu ano de lançamento: 1987, que também é o ano do meu nascimento. Vou postar aqui as fotos da ida e da estadia por lá:

10/09/2017



Lindo interior em tom vinho, e o belíssimo painel digital: última moda na época; hoje, datado

Detalhe na lanterna esquerda: "Cadillac"...

Detalhe na lanterna direita: "Allanté"

As duas lanternas acesas, juntamente com a luz de freio, que fica no emblema "Cadillac", na tampa da mala

"Daily driver"

Casa de tintas


Chaves e chaveiro Cadillac

Cadillac Allanté em parada para almoço, em Vinhedo/SP

A experiência foi única, e não cruzamos com nada parecido no caminho. O polêmico V8 Northstar não apresentou nenhum problema e o carro não causou nenhum tipo de contratempo. Vi alguns carros legais, fiz umas fotos e postarei em seguida. Depois delas, um post com as imagens da volta pra casa, na manhã do meu aniversário.

São Paulo - SP.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...