Páginas

WELCOME! / Bem vindos! / Bienvenidos! / Benvinguts! / Ongi etorri! / Bienvenue! / Benvenuti! / Wilkommen! / Welkom! / Välkommen! / Tervetuloa! / Üdvözöljük! / Hoşgeldiniz! / Добро пожаловать! / Καλώς ήρθατε! / გამარჯობა! / ようこそ! / 歡迎! / 환영합니다! / आपका स्वागत है! / வருக!


sábado, 10 de agosto de 2013

Ford Maverick GT V8

Mais um achado de um leitor, belíssimo Maverick laranja que, pelo menos ao que indica a caracterização, é um GT V8...






Realmente pelas fotos não consigo dizer se é um GT legítimo (é V8 a julgar pelos dois escapamentos, um de cada lado da traseira), mas sendo ou não, é uma maravilhosa máquina, muito bem conservada e cuidada, e em estado bastante original, com rodas gaúchas de época! Pelo painel traseiro, já é dos últimos anos...

Flagra do Thiago Schmitt!

Blumenau - SC.

8 comentários:

  1. Marcus Vinícius Rangel Antunes (via facebook)10 de agosto de 2013 23:50

    Lindo d+

    ResponderExcluir
  2. Se a lanterna traseira for a certa, ele deveria ter as entradas de ar no capô para ser um GT. Mas, como não sabemos a jornada dele, pode ser um GT anterior a 77, mas aí faltariam as travas externas do capô, ou um GT 77 em diante com capô trocado (talvez por não encontrar o certo numa eventual reforma). Muitas possibilidades.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho quase certeza de que essas lanternas são dos Mavericks de 76/77 em diante.

      Excluir
  3. Ah, esqueci: em ambas deveriam haver faróis de milha na grade, ao lado dos normais...

    ResponderExcluir
  4. Sendo V8 ou não, tá lindão. Sei lá, em Maverick, gosto mesmo é do 4 cc. Economia pra rodar frequentemente, manutenção mais barata e com uma leve preparação, dá pra tirar muito daquele motor. E com o escape certo, fica com um ronco muito legal.

    ResponderExcluir
  5. Tiago, o V8 era disponível para os modelos Luxo e Superluxo. Acho que só não tinha o carburador Quadrijet nessas versões. A dúvida é se é um legítimo GT.
    Realmente o 4 cilindros OHC era um ótimo motor, tanto que era exportado para os EUA e usado no Taurus, que foi premiado por lá como carro do ano mais de uma vez. Mas não é cobiçado como o V8, que virou lenda, apesar que na época o Opala 6 cilindros tinha velocidade final maior (há controvérsias, mas os testes da 4 Rodas comprovaram isso várias vezes).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, com certeza que não é cobiçado igual ao V8. Isso é um fato. Por isso mesmo que, talvez, me desperte mais a atenção. Tenho um Opala Standard e gosto de modelos mais básicos, o que facilita a restauração e dá pra encontrar exemplares a preços bem atraentes.
      E quanto ao OHC, sei que o bloco dele equipou a Ranger até há bem pouco tempo.

      Excluir
  6. Alex Gouveia (via facebook)12 de agosto de 2013 02:58

    Só colocar as rodinhas originais e fechou.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...